PRESIDENTE DA EMGEA VISITA AUDIENCIA DE CONCILIAÇÃO EM GOIÂNIA

Da direita para a esquerda, Dr. Mark Ishida Brandão - Juiz da  7ª Vara da Justiça Federal 1ª Região Goiás, Roberto Meira, Diretor-Presidente da EMGEA e Carolina Brito Alves - Secretária CEJUC Goiás
Da direita para a esquerda, Dr. Mark Ishida Brandão - Juiz da 7ª Vara da Justiça Federal 1ª Região Goiás, Roberto Meira, Diretor-Presidente da EMGEA e Carolina Brito Alves - Secretária CEJUC Goiás

O Movimento pela Conciliação de dívidas é um modelo para a solução definitiva de conflitos, que permite a negociação de acordos com celeridade e efetividade e proporciona a criação de uma nova cultura a partir da qual as partes identificarão, na conciliação, um instrumento hábil para a solução de conflitos.

Em uma parceria da EMGEA com o Poder Judiciário, no âmbito dos contratos de pessoas físicas, já foram realizadas mais de 170 mil audiências, resultando em 75 mil acordos, cujo percentual de sucesso atinge o índice de 53%, representando uma recuperação de recursos, aos cofres desta empresa, de aproximadamente R$3,1 bilhões durante este período.

No ano de 2018 o Conselho Nacional de Justiça estabeleceu a Meta de 5.000 audiências, e até esta data já foram designadas 4.000 audiências, resultando no percentual de sucesso na ordem de 45% e ingresso de recursos de aproximadamente R$60 milhões, havendo expectativa de superação da meta definida para o ano em curso.

No período de 06 a 17/08, estão sendo realizados mutirões de conciliação nas principais seções judiciária nas cidades de São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Recife, Goiânia, Porto Alegre e Belém, envolvendo 1.500 audiências agendadas.


Voltar para o topo