PDTI é aprovado pelo Conselho de Administração

PDTI é aprovado pelo Conselho de Administração

Plano permite aproveitamento máximo das possibilidades tecnológicas da EMGEA

 

             Em dezembro de 2013, foi aprovado pelo Conselho de Administração o Plano Diretor de Tecnologia da Informação – PDTI da EMGEA

             O PDTI é um Instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de tecnologia da informação que visa atender às necessidades de informação de um órgão ou entidade para um determinado período. É uma ferramenta imprescindível para Administração atender aos princípios constitucionais de publicidade e eficiência.

             A ferramenta permite uma visão abrangente do ambiente atual de Tecnologia de Informação e das necessidades futuras, tanto tecnologicamente quanto do negócio; ao mesmo tempo possibilita comparar cenários alternativos que possam aperfeiçoar o retorno dos investimentos já feitos em tecnologia e dos ainda a serem realizados; tornando possível a tomada de decisões para melhorias na estrutura de TI e a definição de  processos, indicadores, métodos e controles para as ações de TI.

 

Abrangência do PDTI/EMGEA

             Os sistemas e estruturas de informática contidos no presente PDTI abrangem toda a EMGEA: Conselho de Administração (COSAD), Conselho Fiscal (COFIS), Presidência (PRESI) e Diretorias de Controladoria (DICON), de Pessoas e Logística (DILOG), de Recuperação de Crédito de Pessoas Físicas (DIREF) e de Pessoas Jurídicas (DIREJ), bem como as estruturas organizacionais vinculadas a essas unidades.


Voltar para o topo